Felipe Cabral
Currículo

Carioca, de 35 anos, Felipe começou sua carreira artística em 2005 na tradicional escola O Tablado. Formado em Jornalismo pela PUC-Rio e em Artes Cênicas pela UCAM, se profissionalizou como ator, roteirista, dramaturgo, diretor e escritor.

Na televisão, integrou a equipe de colaboradores das novelas Totalmente Demais e Bom Sucesso, da Rede Globo, onde foi Indicado ao Emmy Internacional na categoria Melhor Telenovela (por Totalmente Demais) e recebeu o Prêmio APCA 2019 de Melhor Novela (por Bom Sucesso). Para o Globoplay, escreveu para o seriado Totalmente Sem Noção Demais e assinou a redação final de 5x Comédia, série original da Amazon Prime. No Multishow, foi roteirista da 4ª, 5ª e 6ª temporadas do Vai Que Cola, da 3ª temporada de A Vila e da 1ª temporada de Quero Ser Solteira, marcada pelo destaque que o beijo gay dado por seu personagem teve na mídia.

A temática LGBT sempre norteou seus trabalhos. Em “Totalmente Demais”, foi o responsável pelas cenas onde se debateu a homofobia e, em “Bom Sucesso”, escreveu o primeiro beijo gay do horário das 19h. Em 2015, foi apontado como um dos jovens mais influentes na comunidade LGBT pelo portal BuzzFeed onde apareceu nos posts “31 militantes dos direitos LGBT para você acompanhar de perto” e “22 coisas que renovaram as esperanças do movimento LGBT“. 

No cinema, dirigiu, roteirizou e atuou em quatro curtas-metragens: Gaydar (2012), Rótulo (2013), Aceito (2014) e Você (2017). Assinou o roteiro do curta Meu Preço (2018) junto a Fabrício Santiago, com direção de Hsu Chien e do curta Simples Assim (2021), com direção de Luciana Bitencourt. Com os filmes, passou por mais de 150 festivais conquistando 22 prêmios.

Na internet, comanda o canal Eu Leio LGBT onde compartilha livros com a temática da diversidade sexual. Pelo projeto, mediou e fez a curadoria de mesas sobre a literatura LGBT na Bienal do Livro do Rio de 2017 e de 2019.

No teatro, seu projeto mais duradouro é o FESTU – Festival de Teatro Universitário, com edições anuais desde 2010. Além de assinar a direção artística junto ao idealizador Miguel Colker, Felipe também apresenta o evento. Como ator, já atuou em mais de 15 espetáculos teatrais, sendo seus últimos trabalhos O Filho do Presidente, peça do americano Cristopher Shinn, e a comédia sobre famílias homoafetivas 40 Anos Esta Noite, onde foi indicado ao Prêmio do Humor 2019 por Melhor Texto e Melhor Performance.

Atualmente escreve seu primeiro romance, O Primeiro Beijo de Romeu, com lançamento previsto para Setembro de 2021 pela Galera Record.